tipos de lâmpada LED banner
| |

Tipos de Lâmpada LED

Já conhece todos os tipos de lâmpadas LED? Vamos explorar em detalhe todas as variáveis deste produto essencial no nosso dia-a-dia.

Como fornecedores de iluminação e material elétrico, vendemos as lâmpadas destacadas neste artigo. Pode vê-las no nosso catálogo digital.

O Formato

Em primeiro lugar, o mais evidente. Existem vários formatos de corpo de lâmpadas LED. Aqui estão algumas delas:

guia de tipos de lampada led
guia de tipos de lâmpada LED

O formato, geralmente, é uma escolha estética, no entanto, por vezes, pode também ter uma função prática, ampliando ou focando o ângulo da iluminação. O corpo da lâmpada pode também ter uma função específica em casos especiais, como uma lâmpada de alumínio para dissipar calor, ou numa lâmpada de festa que proporciona um efeito de pontos rotativos.

Casquilho

O casquilho, ou ligador, é também uma escolha importante, visto que tem que ser compatível com a instalação existente, ou uma nova que se vai adquirir.
Os casquilhos mais comuns são E14 e E27, mais conhecidos respetivamente como ‘casquilho fino’ e ‘casquilho grosso’.

casquilho e14 vs e27
casquilho e14 vs e27

Nos casos de quase todas as restantes lâmpadas, o seu ligador está associado ao próprio nome: G4, GU10, T8, etc… Facilitando identificação.

Naturalmente, para cada casquilho há várias aplicações, suportes e adaptadores correspondentes.

Armadura T8 Slim
Armadura T8 Slim
Adaptador E14 para GU10
Adaptador E14 para GU10
suporte e27 curvo
suporte e27 curvo

Potência e Consumos

A potência da lâmpada é um indicativo do seu consumo. Quanto mais alto este número em Watts, mais elevado será o consumo. Apesar disto, mais Watts não é igual a mais luz.
Há lâmpadas LED eficientes que produzem mais luz com a mesma quantidade de Watts.
No entanto, qualquer lâmpada LED será mais eficiente do que uma lâmpada doméstica de tecnologia pré-led.

Para calcular os custos de uma lâmpada led, vamos considerar uma lâmpada de 6Watts, ligada 5 horas por dia, com um custo de eletricidade médio de 0.1500€/kWh.

0.006 kW x 5h x 0.15€/kWh = 0.0045€ custo por 5 horas

Nestas circunstâncias, custaria 1.64€ por ano para alimentar esta lâmpada.
Ou, se a mesma estivesse ligada todo o dia, todos os dias, custaria 7.884€ por ano.

Lúmens e Custos

O Lúmen é a unidade que mede a luz produzida. Normalmente resumido a “Lm“.
A relação Lúmen/Watt define a eficiência do produto luminoso.
Geralmente, as lâmpadas LED produzem 75 – 110 Lúmens por Watt. Muito melhor do que as incandescentes, que geralmente produzem 16 Lúmens por Watt.

No entanto, há lâmpadas LED ultra-eficientes (e ultra-caras) que conseguem produzir uns ridículos 200 Lúmens, ou mais, por watt. Ou seja, mais do dobro da eficiência de uma lâmpada LED normal. Um dos casos mais famosos destas lâmpadas é a “lâmpada do dubai”, ou as lâmpadas ultra eficientes da Philips.

Estas lâmpadas podem chegar a custar 10€, e vão consumir por volta de 5,48€ em 5 anos, ligadas 5 horas por dia. Total 15.48€ em 5 anos.

Comparando, as nossas lâmpadas LED 8.5W 810lm têm um preço ao público recomendado de 1.30€ e irão consumir por volta de 11,63€ em 5 anos nas mesmas circunstâncias. Total 12.93€ em 5 anos.

philips ulra eficiente - Florida Light Solutions Fevereiro 24, 2024
lâmpada ultra eficiente philips

Temperatura

A temperatura, ou tonalidade é outro fator muito importante.
As diferentes tonalidades de branco são adequadas para diferentes divisões da casa.

guia de tonalidades kelvin
guia de tonalidades kelvin

Como já apontámos, NESTE ARTIGO cada tonalidade tem uma aplicação recomendada.
Aqui está uma sugestão de onde utilizar cada tonalidade:

2000K – 3000K: Salas de estar, salas de jantar, quartos, varandas e terraços
3000K – 4500K: Cozinhas, escritórios, espaços de trabalho
4500K – 6500K: Áreas de exposição e espaços de trabalho onde é preciso iluminação muito intensa
6500K e superior: Locais comerciais, salas de operação e laboratórios

Esperança Média de Vida

O maior inimigo do LED é o calor.
A esperança média de vida da lâmpada está diretamente relacionada com a sua capacidade de dissipar calor.
Geralmente, as lâmpadas LED comuns duram mais de 10 anos em utilização normal do dia-a-dia. Os fabricantes utilizam uma medida em horas média de 50.000 horas de utilização.

Isto pode variar de fornecedor para fornecedor.

As lâmpadas ultra-eficientes de filamento tendem a durar um pouco menos, cerca de 20.000 a 30.000 horas apesar de serem mais apelativas e eficientes. Isto deve-se aos LEDs não estarem agarrados a uma base de metal como nas lâmpadas LED comuns, para dissipar calor.

led filamento vs normal
led filamento vs normal

LED Filamento

Nas lâmpadas LED de filamento, um conjunto de LEDs muito pequenos é agarrado a um condutor, que depois é coberto por uma mistura de resina e fósforo, para alcançar a cor desejada.

filamento led a 5% potencia
filamento led a 5% potencia; imagem de wikipedia

Conclusão

Em conclusão, a variedade de lâmpadas LED oferece opções precisas para aperfeiçoar a iluminação em cada situação. Desde a escolha do formato e casquilho, que influenciam a estética e a dispersão da luz, até entender a relação entre potência, lúmens e custos para otimizar a eficiência energética.
A temperatura da luz permite adaptar a iluminação a diferentes ambientes, e a durabilidade, mesmo nas inovadoras lâmpadas de filamento, assegura um investimento a longo prazo.
Ao compreender esses detalhes, os consumidores podem aprimorar sua experiência luminosa, alcançando o equilíbrio perfeito entre eficiência, versatilidade e sustentabilidade.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *